Artigo 103 – Carreira e Finanças pessoais – parte II

“pensar e criar um futuro”
por Marcelo Veras | 25 de mar de 2013

 

"Decisões de boa qualidade dependem de informações de boa qualidade”

Neste segundo artigo desta série, vamos iniciar o seu planejamento financeiro pessoal discutindo os princípios básicos exigidos em qualquer planejamento. Eles são quatro. Entenda-os bem e prepare-se para começar a registrar em um caderno ou em uma planilha no computador aquilo que vamos abordar aqui. Estes registros já começam a compor o seu planejamento financeiro pessoal.

Ao longo desta série, em doses homeopáticas, farei o link deste tema com a sua carreira. Aliás, creio que nem será necessário. Você perceberá facilmente que uma vida financeira planejada e saudável nos dá muito mais tranquilidade e produtividade no nosso trabalho. As decisões em relação à carreira ficam muito mais fáceis quando estamos com nossas finanças em ordem.

Planejar significa . O primeiro pilar diz que antes de planejarmos qualquer coisa, precisamos saber onde estamos, ou seja, qual é o nosso estágio atual. O segundo diz que, após termos clareza de onde estamos, precisamos criar uma visão, um sonho, um estado futuro onde queremos chegar. O terceiro nos convida a interpretação, ou seja, a fazermos uma análise das variáveis não controláveis para nos prepararmos para imprevistos e fatos que estão fora do nosso controle. O último princípio é o da ação. Temos que montar o plano detalhado e implantá-lo com força e determinação. Pois bem, estes quatro princípios servem para todos os tipos de planejamento e aqui não seria diferente.

Como defendi no primeiro artigo desta série, um planejamento financeiro serve para criarmos um patrimônio que irá financiar o nosso futuro. Portanto vamos começar exatamente pelo primeiro pilar, o seu estágio atual. No próximo artigo iremos discutir e definir o segundo pilar – o sonho – e assim por diante. Mas antes disso, você precisa ter clareza sobre onde está hoje, financeiramente falando. Sem isso, fica difícil definir as suas metas e seus objetivos financeiros para o futuro. Este ponto de partida é necessário para se saber o quão longe o ponto de chegada está. O plano dependerá também dessa distância e do tempo que você terá para criar a sua riqueza.

Vamos lá. Qual é o seu patrimônio atual? Você sabe? Já se fez esta pergunta algum dia? Já calculou alguma vez na vida? Se nunca fez isso, vamos começar agora. É muito simples. Um patrimônio é composto por várias coisas. Vou listar aqui algumas das principais. Dinheiro no banco, dinheiro guardado em casa, moeda estrangeira, imóvel, veículo, saldo de FGTS, ouro, gado, obras de arte e participação em empresas (ações ou cotas). A lista é maior do que esta, mas estes são alguns dos principais.

Para você poder calcular e acompanhar periodicamente o seu patrimônio, você precisará de uma planilha, mesmo que no papel. Eu tenho uma montada em Excel. Caso queira, basta me enviar um e-mail e eu compartilho com o maior prazer. Seja numa planilha ou em um caderno, liste tudo o que você possui hoje e procure descobrir o valor de mercado de cada uma delas. Se você é assalariado (a) e tem carteira registrada, deve descobrir urgentemente qual é o seu saldo no FGTS. Isso se consegue com uma senha na Caixa Econômica Federal e você pode consultar isso a qualquer momento na internet. Este dinheiro, por mais que esteja “preso” até a sua aposentadoria ou demissão, é seu e compõe o seu patrimônio. Uma hora, estará na sua conta bancária. Dívidas também devem constar nesta lista, só que com valor negativo. Se você tem um imóvel que vale 100, mas ainda deve 40 ao banco, o seu patrimônio atual é de apenas 60, certo?

Ao definir o valor atual do seu patrimônio, recomendo que você crie uma rotina periódica para atualizar tudo em valores de mercado. Eu faço isso mensalmente e acho um prazo razoável depois que criamos o hábito. Você pode começar trimestralmente, por exemplo. O importante é criar o hábito e ter sempre plena consciência de qual é o meu patrimônio atual. Até o próximo!

por Marcelo Veras
compartilhar